Cart is empty
0

Carrinho

item(s) - R$0,00

Pizzato Reserva Egiodola

Uva:
Egiodola

Tipo:
Tinto

Graduação Alcoólica:
13,5%

Safra:
2018

Região:
Serra Gaúcha

Guarda:
12 anos

Vinho estruturado, com expressão tânica pronunciada. Um dos 3 únicos Brasileiros varietais desta uva. Para beber agora ou amadurecer (bom potencial de guarda). Passagem por barris de carvalho francês (1º e 2º usos).
R$108,00

R$102,60 (5% de desconto) no Boleto, Transferência ou Depósito


Informação Adicional

Vinícola Pizzato
Sede fabricante Bento Gonçalves
País de Origem Brasil
Vinhedos Vale dos Vinhedos
Classe Fino
Classificação Seco
Amadurecimento Amadurecimento em barris de carvalho francês,por 11 meses, mistura final em tanques e engarrafamento; posterior amadurecimento em garrafa.
Corpo Encorpado
Volume 750 ml 
Visual Cor intensa vermelho-rubi.
Olfato Frutas vermelhas, amoras, cereja, chá de infusão de ervas, groselha, pimenta, vinho do Porto, mineral.
Paladar Encorpado, com taninos expressivos. Persistente no retro-olfato de frutas vermelhas maduras, especiarias e leve empireumático.
Temperatura Ideal 16 a 18°C
Harmonização Acompanha aves grelhadas, molhos com funghi frescos, rosbife, carne suína. Aposte numa carne não muito gordurosa. Queijos meia-cura.  
Região Serra Gaúcha

Queremos saber sua opinião

Apenas usuários registrados podem comentar. Por favor, identifique-se ou cadastre-se

Opiniões dos Clientes

1 Item(ns)

por página
Grata surpresa Comentado por Reinaldo (Enviado em 10/04/2019)
Classificação
A julgar pela dificuldade em encontrar vinhos com a uva Egiodola, é quase certo que ela é pouco conhecida aqui no Brasil. A Egiodola é resultado do cruzamento das uvas francesas Abouriou e Negra Mole (esta última reina na Ilha da Madeira em Portugal, sendo resultado de cruzamento da Pinot Noir com a Grenache/Garnacha). Mas vamos ao vinho. Foi uma surpresa agradável. Deixamos aerar por 30 minutos. É um vinho encorpado, onde as lágrimas sobressaem, lembrando um pouco a Malbec na taça. No olfato, ainda que o meu não seja tão apurado, é possível perceber frutas vermelhas e a madeira. Já no paladar os taninos, embora presentes, não estavam agressivos, com o retro-gosto persistente. Desfrutamos com uma tábua de queijos da Canastra e do Cerro. Foi uma ótima pedida. Super recomendo.

1 Item(ns)

por página